Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Às Cavalitas do Vento

Qua | 27.07.16

passatempo de verão | O meu Oriente, de Jessica Athayde


Se tenho uma inspiração nacional na área do lifestyle? Tenho! Quem? A loiríssima, carismática e contagiante Jessica Athayde. Bem, dá para perceber o porquê. O estilo hippie chic, uma casa de praia no Meco (a eterna morada das minhas férias de verão), a paixão inesgotável pelos animais, o inspirador lema "não queiras ser perfeita, mas faz o melhor por ti", a quietude que procura a cada novo amanhecer. Sounds familiar to you, right? Ela é cá das minhas! E, nem a propósito, está uma verdadeira sereia no anúncio televisivo dos novos Corpos Danone

Conheci pessoalmente a baby Jess o ano passado, na Feira do Livro de Lisboa, na apresentação do seu primeiro livro. Confidenciei-lhe o quão importante o seu testemunho tinha sido naquele mês, que lhe estava eternamente grata por não ter permitido que paralisasse os meus sonhos. Fiz da alegria rotina, aprendi a sorrir para mim e para o mundo, descobri a fórmula mágica para a paz. Nunca me abandonei, não o quis, não o permiti. Ela ajudou-me, mesmo sem saber que estava a fazê-lo.

Uma dica preciosa que nunca podem descurar: preocupem-se com o vosso bem-estar. Acima de tudo, sejam vossos amigos. E porque queremos que esta seja a vossa interminável missão na terra, eu e a editora A Esfera dos Livros temos um miminho especial para vocês: três exemplares de O Meu Oriente, o novo livro da Jessica. Bang bang!

Este é um relato das suas exóticas e mirabolantes odisseias pelo continente asiático, mas também um guia que vos ajudará a encurtar as fronteiras que separam o nosso país do Oriente. Saiam da rotina, descompliquem e respirem. Podem viver uma experiência reconfortante e serena aqui mesmo, em Portugal, sabiam? Ora bem, estão prontos para embarcar nesta viagem física e interior? 

As regras de participação são as seguintes:

> Seguir as páginas de Instagram @ascavalitasdovento, @jessica_athayde e @aesferadoslivros;
> Fazer "Gosto" nas páginas de Facebook Às cavalitas do vento, Jessica Athayde e A Esfera dos Livros;
> Enviar um email para "ascavalitasdovento@gmail.com" com o vosso nome e link de partilha (pública) do passatempo nas redes sociais.

Podem participar até às 23h59 do dia 3 de agosto. O sorteio será efetuado através do random.org e os nomes das vencedoras serão anunciados neste mesmo post, assim como no Facebook. Boa sorte!


---
#porquemeamo

Vencedoras
Participação #01 - Vânia Duarte
Participação #06 - Andreia de Almeida
Participação #20 - Mafalda Ar
Seg | 25.07.16

que tal um treino com a Francis Elias, na Malo Clinic Sports?


Alguma vez vos confidenciei que fui atleta federada de ginástica acrobática durante 11 anos da minha vida? Que o trampolim teimava em projetar-me em direção ao infinito e que eu não sofria de um problema de expressão, mas que tinha apenas uma certa tendência para usar termos como "rondada flick mortal", "barani" ou "diamidov"? Além disso, digam-me: já partilhei convosco que pratiquei basquetebol, voleibol, futebol, salto em altura, corta-mato e hidroginástica? Ah, e que a minha bicicleta torna-se uma resmungona de primeira apanha sempre que fica demasiado tempo sem sair à rua? Ela é intolerante ao pó (modernices da Widget, como é carinhosamente apelidada!). Sim, é verdade. Nunca consegui parar quieta, não fosse eu uma mulher geminiana nata. O meu corpo precisa de ser constantemente bombeado com energia e, o meu espírito almeja ser drenado com tranquilidade e equilíbrio.


Após esta entrada em jeito de "meu querido diário", queria apresentar-vos a minha zuquinha favorita e que, por sinal, é a minha personal trainer: a Francis Elias. Sorridente, tolerante e motivadora, este furacão do Rio de Janeiro não brinca em serviço nos nossos treinos personalizados. E sabem como nos conhecemos? Na apresentação do livro da inspiradora Teresa Manafaia, Perder a Barriga Sem Fazer Abdominais, graças ao amável convite da editora Manuscrito. A empatia foi imediata e o desejo de espalharmos boas vibrações fez-se crescente dentro de nós. 



Queremos que se juntem a nós, que abanem o vosso esqueleto, que se sintam vivos e, que façam sempre o melhor pela vossa saúde física e mental. Apostem na "comida feliz", aquela que vos derá força e que vos deixará saciados durante todo o dia. Bebam bastante água, tenham sempre uma peça de fruta à mão e não vivam sem os nutrientes indispensáveis dos legumes. Eu, por exemplo, não consigo sair de casa sem o meu sumo verde matinal, um pacote de batata doce biológica desidratada ou uma tupperware com cenoura cortada em palitos. E claro que ao pequeno-almoço não pode faltar uma tigela de papas de aveia com maçã verde, canela e bebida de coco. Confesso-vos também que evito ao máximo ingerir carne, mas que, ainda assim, não consigo resistir a alguns produtos de origem animal, nomeadamente os ovos e o kéfir




Quando a alimentação saudável é aliada ao desporto, o nosso organismo fica ao rubro e, claro, irá agradecer-nos esta combinação num futuro próximo. Na minha primeira aula com a Francis realizámos uma avaliação física, para definirmos o plano de treinos mais adequado à minha forma de viver. Constatámos que era necessário aumentar a minha massa muscular, fortalecer a minha musculatura, aliviar as minhas dores posturais cervicais e lombares com exercícios de CORE (quem te manda a ti ser jornalista e ter uma secretária como poiso habitual, JJ?) e melhorar o meu condicionamento físico. Para tal, a minha personal trainer recomendou três ingredientes-chave, um trunfo que devemos guardar sempre na manga: empenho, dedicação e diversão; claro que segui a receita prescrita à risca. 

Passando à prática, eis o que começo por fazer mal piso o pavimento da Malo Clinic Sports. Faço um curto aquecimento, de apenas cinco minutos, no remo ou na passadeira; e, de seguida, aventuro-me nas extensões de pernas, nas flexões de braços, nas aberturas com halteres deitada num banco, nas pranchas frontais com os cotovelos no chão e nas pranchas laterais. Três séries em cada circuito, 12 a 15 repetições. Falo-vos de um conjunto de exercícios que, inicialmente, podem parecer assustadores, mas que, no fim, dão-vos a merecida recompensa: um corpo são, uma mente em paz e um espírito livre. 


E eis que chegámos à parte mais relaxante do treino intenso: os alongamentos gerais. Fazer sozinha é, neste momento, uma hipótese que não coloco em cima da mesa. As minhas articulações, os meus músculos e, de alguma forma, os meus ossos agradecem o poder das mãos da Francis. É neste momento que o estalido que se faz ecoar na sala acusa a quantidade de horas que passo sentada em frente ao computador. Não deixem que este se torne um hábito recorrente: se têm um emprego propenso ao sedentarismo, levantem-se para esticarem as pernas, espreguiçarem-se, meditarem, encherem a vossa garrafa com água, prepararem um chá; ou somente para respirarem um pouco. Faz-nos imensa falta - devíamos lembrar-nos disso mais vezes.


Assim que chego a casa gosto de preparar um delicioso batido pós-treino. Não tenho uma fórmula mágica e a simbiose de ingredientes acontece como que por magia. Há uma receita da qual gosto particularmente e que surgiu nos meus pensamentos numa noite quente de verão: meloa, bebida de amêndoa, uma colher de sopa de iogurte vegan de coco (os da Harvest Moon, à venda no Celeiro, são os meus favoritos), bagas de goji, sementes de chia e noz moscada. Vai tudo para dentro da minha liquidificadora da Philips e et voilà!

---
Vá, do que estão à espera para irem atrás desta Wonder Woman?

Francis Elias Personal Trainer
Av. dos Combatentes 43A, 1600-042 Lisboa
Telefone: 21 722 8100
Horário: Aberto hoje · 07:30–21:30
Qua | 13.07.16

a casa dos meus sonhos

Quem me conhece sabe que morro de amores por decoração de interiores e por tutoriais de DIY. As gavetas do meu guarda-vestidos estão repletas de sacos de alfazema feitos por mim, o meu quarto enamora-se por objetos de outros tempos e o estilo boho é o detalhe que ilumina os recantos mais especiais da minha casa.

Os meus pensamentos viajam no momento em que acedo à minha conta do Pinterest; na verdade, foi ela a minha rosa dos ventos para esta coletãnea de imagens inspiradoras. Rapidamente irão perceber que o meu olhar demora-se em casas construídas a partir de madeira e que fico hipnotizada com o encantamento que a luz natural do sol espalha por uma divisão.

Fico a idealizar aquelas tardes de domingo, no baloiço do alpendre, com o Dickens enroscado no meu colo, uma chávena de chá exótico na mão, um livro pousado sob a mesa, um catavento que não pára um só momento e o olhar apaixonado do homem da minha vida. Ai, que sonho bom!

Quarto

Não consigo eleger uma divisão favorita, mas posso confidenciar-vos que o quarto é, sem dúvida, uma das zonas mais recortantes do meu mundo;  no fundo é como se aqui caminhasse sob nuvens feitas de algodão. Incenso indiano, velas perfumadas, luzes de presença, almofadas de padrões coloridos, cortinados ao sabor do vento, caçadores de sonhos, flores em leiteiras vintage e mantas: apontamentos que aquecem o coração.

Sala de estar

Quando imagino a atmosfera de uma sala de estar, não consigo deixar de pensar que esta é a divisão mais artística de um lar feliz. Porquê? Talvez porque não consigo viver sem um gira-discos e uma coleção de vinis de Nat King Cole, os filmes antigos que me ajudam a recordar as conversas cinematográficas com o meu avô materno, as câmaras fotográficas que se aninham nas minhas prateleiras, os posters de Audrey Hepburn e das obras-primas de Tim Burton, e as plantas que a minha mãe sempre fez questão de espalhar pela casa.

Cozinha

Ó avó Tília, tu és a personificação perfeita deste cantinho. Tu, que cheiras sempre a jasmim e a alfazema, que preparas um café com leite e confecionas um pudim El Mandarim como ninguém, que me recebes com uma meia Lua brilhante no rosto e um abraço bem apertado. Foi contigo, minha fada do lar, que aprendi a cortar os legumes milimetricamente, a fazer uma sopa saborosa e a colecionar livros de culinária. Ensinaste-me a encontrar soluções simples e práticas para tornar o meu dia a dia mais valioso. Nunca saberei agradecer-te como mereces, mas procurarei cuidar de ti para o resto da vida com o amor imenso que te tenho. Quero-te presente na minha cozinha, no aroma da minha horta caseira e, na preparação daquele pequeno-almoço preguiçoso e mágico de fim de semana.

Escritório

É aqui o reino da fantasia, onde eu posso ir onde quiser graças ao poder inesgotável da imaginação. Desde pequena que tenho o sonho de ter uma biblioteca igual à que o Monstro oferece a Bela no filme de animação mais brilhante da Disney. Ler é uma das minhas paixões mais fervorosas, o que fez com que me tornasse uma ávida colecionadora de relíquias literárias. Neste momento, não encontro um espaço vazio onde possa colocar mais exemplares de O Monte dos Vendavais, mas nem isso faz com que pare de acumular histórias. É uma riqueza tamanha, que não cabe no peito e agita a carteira, mas who cares? No meu escritório criativo não poderão faltar folhas em branco, lápis de cor, pincéis, fotografias, postais e luz. Muita luz!

Casa de banho

É aqui que os meus rituais de beleza têm lugar e os perfumes das mil e uma noites se reúnem, criando a simbiose perfeita. Vejo-me entre sais de banho, sabonetes artesanais, cremes naturais, cestas de verga, toalhas lavadas, heras a serpentear nas janelas, luzes LED, copos de vinho tinto e velas aromáticas,

"Heaven, I'm in heaven".

[Todas as imagens foram retiradas do Pinterest. Sigam-me aqui.]
Sab | 09.07.16

Maria Cenoura e B.kini, a combinação perfeita para o verão


[© B.kini]

Bem que nós avisámos que tínhamos uma carta na manga, guardada para os meses de calor abrasador. Aqui está a surpresa que andámos a magicar especialmente para vocês: uma colaboração única com a marca portuguesa b.kini. Sim, eu sei que vocês viram alguns dos fatos de banho nas fantásticas fotografias da Kat V, mas estavam preparados para um verdadeiro perfect match


Maria Cenoura lançou o desafio ao projeto b.kini e foram assim criadas três novas almofadas de praia com padrões otiginais, que combinam com os biquinis e os fatos de banho da nova coleção. Exóticas, coloridas e cheias de pinta, as almofadas São Julião, Vau e Arrifana prometem espalhar toda uma magia de norte a sul do país. À semelhança dos outros treze modelos anteriormente apresentados, também estes têm o valor de 19€ com portes de envio incluídos. 


Já escolheram a vossa nova companheira de praia? Não deixem escapar este sol de verão! Aproveitem-no ao máximo e, não se esqueçam do protetor solar factor 50, da água micelar e do creme calmante para a pele, para refrescarem o vosso corpo após a exposição. 


Do que estão à espera, afinal? Vá, acedam já ao site www.mariacenoura.pt ou façam uma visita ao showroom da loja b.kini, na Rua Edison, número 6B, 1000-143 Lisboa.
Qui | 07.07.16

look para arrasar no NOS Alive


Hoje começa um dos festivais de verão mais aguardados deste ano: o NOS Alive. Já olharam bem para o cartaz? Arcade Fire, Radiohead, The 1975, Years & Years, Foals, Grimes,Tame Impala e M83 distribuídos pelos dias 7, 8 e 9? Ai, caramba! O meu coração não aguenta tanto nome eletrizante. 

Proponho-vos então um look mais descontraído, desportivo e super cool para fazerem furor dentro e fora do recinto. Bem sabem que morro de amores pelo estilo boho chic, mas a verdade é que não o associo imediatamente ao NOS Alive. Optei por escolher peças que me remetem para os meus tempos de maria-rapaz, aqueles em que os meus pulsos pediam só mais um drible no pavilhão com a bola de basquetebol e as minhas pernas queriam encaracolar-se no ar, com o impulso de um trampolim. Digam lá se"estilo", "conforto" e "diversão" não são palavras de ordem neste outfit?

Vejo-vos no Passeio Marítimo de Algés amanhã? Eu andarei a saltitar entre os palcos NOS e Heineken. 


Bomber - Zara | Mochila - Fjällräven Kånken Putty| Ténis - Reebok Furylite Contemporary 
Relógio - Casio | Mom jeans - Stradivarius | Smartphone - Huawei P9 Lite
Qua | 06.07.16

The Manipedi - Nail Spa chega a Lisboa


No passado sábado fiz uma visita ao novíssimo espaço The Manipedi - Nail Spa, em Santos, para usufruir de um momento de pedicure absolutamente relaxante. A convite da Rita Reis, da Agência Criativa, tive o privilégio de experimentar o serviço profissional de tratamento de pés e, confesso-vos, fui transportada para o Jardim do Éden. Relaxei ao som de melodias zen, repôs energias e deixei-me envolver pela ambiência deste espaço histórico lisboeta, outrora uma padaria com tradição. 


A fachada e a decoração de interiores prendem-nos imediatamente o olhar, tal não é a harmonia que se sente mal transpomos a porta. Os três cadeirões de pedicure spa, com design e fabrico italiano da Gamma & Bross, são as estrelas da casa. A sua disposição (lado a lado) possibilita conversas entre amigas ao sabor de um chá exótico e reconfortante.

As semelhanças com os serviços das lojas da Baía de Cascais e do CascaisShopping são evidentes e o conceito de Catarina Soares da Cunha, a mente brilhante por detrás deste projeto, mantém-se: oferecer uma experiência repleta de tranquilidade e um tratamento de beleza que recordarão para sempre. A vontade de trazer os badalados Nail Spas norte-americanos para Portugal intensificou-se. Catarina desejava introduzir este ritual no quotidiano da mulher portuguesa e fazê-la sentir-se bem consigo própria mais vezes ao dia. Bem sabemos que, apesar de termos uma mão cheia de tarefas e uma agenda preenchida, é importante parar para respirar com calma e "re-energizar"


Há uma panóplia de cores de vernizes (o paraíso para nós, mulheres!): as conceituadas marcas O.P.I. e CNDE Shellac têm lugar cativo, sendo que a primeira marca está orientada para uma manicure mais tradicional e a segunda para aquele arrebatador efeito de gel. Apostando no conforto, este serviço inovador quer-se luxuoso, mas a preços acessíveis, o que se torna verdadeiramente tentador.


No que toca aos preços fiquem a saber que a marcação de manicure da The Manipedi vai dos €9 aos €32, ao passo que a de pedicure varia entre os €21 e os €53. Parece-vos bem? Posso garantir-vos que vão querer repetir esta ida ao spa de unhas e que no próximo mês estarão lá novamente batidas. Como não? Eu escolhi um verniz O.P.I. num tom arrosado para combinar com as unhas das minhas mãos. 

Querem arrasar no verão com um look super feminino? Visitem o The Manipedi - Nail Spa.

---

The Manipedi - Nail Spa
Travessa dos Pescadores, 21 (entre a Rua do Poço dos Negros e a Calçada Marquês de Abrantes)
Estacionamento: a dois quarteirões do estacionamento subterrâneo de Santos
Horário: terça a sábado, das 10h às 19h
Marcações: 210 177 413 ou www.themanipedi.pt
Sab | 02.07.16

À Descoberta de Novos Sabores com Marisa Valadas


Na quinta-feira passada, eu, a Marisa Valadas e a Sofia Castro Fernandes (do projeto Às nove no meu blog) iniciámos um novo capítulo das nossas vidas. Daqui para a frente continuaremos a ler o nosso destino nas linhas do tempo, até a próxima história começar. Sempre juntas, a inspirar pessoas de coração puro e agraciadas pelas boas energias.

O Hotel Real Palácio, em Lisboa, serviu de palco à apresentação do livro À Descoberta de Novos Sabores, o primeiro bebé da minha doce Marisa. Se, tal como eu, não perdem pitada de um dos cantinhos mais suculentos da blogosfera, o Sweet My Kitchen, e querem adicionar um toque exótico aos vossos pratos, então não podem mesmo deixar escapar esta compilação de receitas para todos os dias. Deixem o intenso aroma das especiarias levar-vos numa viagem sem retorno imediato à gastronomia africana, asiática, americana e portuguesa.


Nas páginas deste livro ficarão também a saber como podem armazenar os alimentos indispensáveis na vossa cozinha e onde podem adquirir ingredientes mais peculiares, que irão fazer as delícias dos vossos familiares ou, quem sabe, dos próximos convidados para o jantar que há tanto tempo anseiam preparar. Nenhuma refeição ou opção alimentar foi posta de parte: há sugestões de entradas, brunches, sopas, peixe, carne e, para muitos o momento mais aguardado, sobremesas. Mas a verdade é que aqui encontrarão, sobretudo, as fórmulas perfeitas para criar laços, espalhar amor e viver feliz. Memórias da infância com os avós, recordações guardadas nas esquinas do tempo, relíquias que, de alguma forma, queremos partilhar com quem nos visita virtualmente. Gostamos de sentir esses abraços invisíveis, mas nem por isso menos reconfortantes.

"Adoro passar horas à mesa, partilhar com os outros o que cozinho. Adoro temperos e especiarias, viagens e gatos. Acredito que a comida é uma forma de demonstrar afeto. Acredito que alguém é especial quando cozinhamos para ele. Tenho muitas memórias vividas na cozinha, entre tachos e panelas, com os meus avós e a minha mãe. Lembro-me de que sempre me senti atraída por descobrir novos sabores. Ficava fascinada pela reação que provocavam em quem provava… um sorriso deliciado, uma expressão de surpresa e a curiosidade de descobrir qual era o ingrediente responsável por aquele toque especial. Na minha pequena cozinha, sonha-se e viaja-se pelo mundo", confidencia a Marisa nas páginas introdutórias. 

Tenho a certeza que vão querer ter este miminho na vossa cozinha, para consultarem sempre que quiserem partir ao sabor das águas, numa caravela de velas ao vento, desbravando um novo oceano. 


É claro que tínhamos de celebrar a conquista da Marisa desta forma: a comer. Terminámos a noite no Ground Burguer, na Praça de Espanha, e tivemos direito a um verdadeiro banquete. Experimentei o chá gelado de menta e o hambúrguer vegetariano com feijão manteiga, carne de soja, grão-de-bico e especiarias, queijo cheddar, cebola roxa frita, alface, tomate e molho especial da casa. Nhami! Aquelas batatas fritas crocantes temperadas com alho, alecrim e manteiga não me saem da cabeça de tão deliciosas que eram. Nota dez para o atendimento personalizado, que primou pela simpatia constante, e para a decoração do espaço. Clean e brilhantemente iluminada.

[Um agradecimento especial à Marisa Valadas, à Sofia Castro Fernandes e à editora Vogais, representada pela Rita Correia e pelo João Tibério.]